Complicações decorrente de perdas e luto.

Luto é um processo de adaptação após perdermos algo ou alguém que era importante e significativo em nossa vida.






O que são sentimentos de perda e luto?


Sentimentos de perda e luto são muito pessoais, e só você sabe o que é significativo para você. As pessoas geralmente associam certas perdas a fortes sentimentos de tristeza. Estes podem incluir: Perda ou morte de um amigo próximo, morte de um parceiro, doença grave de um ente querido, separação de relacionamento, morte de um membro da família.... Perdas menos óbvias também podem causar fortes sentimentos de luto, mesmo que as pessoas ao seu redor possam não conhecer a extensão de seus sentimentos. Alguns exemplos incluem: Deixando o lar, doença / perda de saúde, morte de um animal de estimação, mudança de emprego, mudar para uma nova casa, perda de uma habilidade física, perda de segurança financeira....

Qual é a evolução e sintomas?


Não há regras definidas para o luto, a subjetividade, historia de vida e cultura  tem um papel primordial no processo, a morte ou perder algo é uma condição inevitável para todo ser humano. E a tristeza demora o tempo necessário às vezes meses ou anos, pois o luto funciona em seu próprio tempo. Não da pra determinar um período de carência logo após o evento gatilho para diagnosticar uma "depressão'', mais em grande parte dos indivíduos a evolução de dor pra doença é a influencia que a vivencia da perda tem na forma como ele esta no mundo, dessa forma pode se caracterizar como depressão. A sociedade atual foge quando o assunto é a morte por conta de esteriótipos físicos, aquisitivos e emocionais e falar de tristeza e muito difícil nos dias atuais mais o luto só pede ser vivenciado por quem ama, portanto vai existir um sofrimento intenso diante da perda e falar sobre isso dói.



Depressão situacional


A depressão situacional é uma complicação relacionada com questões de perdas e luto, e parece uma depressão maior em muitos aspectos.

Mas isso é causado por eventos ou situações específicas, como:

  • a morte de um ente querido

  • uma doença grave ou outro evento com risco de vida

  • passando por problemas de divórcio ou guarda dos filhos

  • estar em relacionamentos emocional abusivos

  • estar desempregado ou enfrentar sérias dificuldades financeiras

  • enfrentando problemas legais extensos

Obviamente, é normal sentir-se triste e ansioso durante eventos como esses e até mesmo se afastar um pouco dos outros. Mas a depressão situacional acontece quando esses sentimentos começam a parecer desproporcionais ao evento desencadeante e interferem no seu dia a dia.

Os sintomas de depressão situacional tendem a começar dentro de três meses após o evento inicial e podem incluir:

  • choro frequente

  • tristeza e desesperança

  • ansiedade

  • mudanças de apetite

  • Dificuldade em dormir

  • dores e dores

  • falta de energia e fadiga

  • incapacidade de se concentrar

  • retraimento social


SUPERANDO O SENTIMENTO DE PERDA


O sentimento de perda e o luto quando superado retira o individuo de uma condição de ligação extrema e continuidade a um relacionamento com a pessoa ou algo que se foi, priorizando dar continuidade ao seu próprio fluxo de vida e refletir sobre o próprio lugar no mundo. Esse novo relacionamento reelaborado com a pessoa ou algo que se foi fica envolvido no fluxo de um novo papel social melhorando a qualidade de vida e aprendendo a conviver com a perda.  À medida que o sentimento de perda se enfraquece, a obsessão passa, deixando para trás uma avaliação negativa da morte ou perda significativa e renovam-se as energias para continuar.

O sentimento de perda dá sentido à nossa existência porque nos lembra como a vida é preciosa. O processo de sofrer pela perda é uns dos sentimentos mais saudáveis da humanidade, pois quem sofre é por que ama, só quem ama sente a perda do outro essa empatia genuína nos torna conscientes do nosso papel social. O sentimento de tristeza relacionado a perda é como um resfriado terrível que quando superado nossos corpos desenvolvem mecanismos de defesa que nos tornam pessoas mais fortes.

Inicie o processo terapêutico para perdas e luto juntos daremos sentido a essa dor, pois vivenciá-la é essencial.


Tratamento


A psicoterapia nas modalidades presencial e online visam auxiliar indivíduos por tratamento ou prevenção de complicações emocionais relacionadas com o luto e perdas, atuando sobre as dificuldades que luto reflete sobre a vida do sujeito. uma avaliação psicológica pode identificar se ouve complicações decorrentes dessas condições e sugerir um acompanhamento psicoterapêutico ou de outros profissionais da área da saúde mental


Psicólogo responsável:

William Lino Felis

Crp:06/140742

https://www.realitypsicologia.com.br/psicologo-william-lino.

2 visualizações